DESTAQUE

Aumenta em 23% atendimentos para a população em situação de rua em Teresina

No total, foram 4.485 atendimentos a mais em 2023, de acordo com os dados da Semcaspi, órgão da prefeitura.
Centro de Valorização para a População em Situação de Rua (Foto: Divulgação)

A Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi) divulgou hoje (5) o balanço de atendimentos realizados no Centro de Valorização para a População em Situação de Rua do ano de 2023 e apontou um aumento de 23% no número de atendimentos em relação ao ano de 2022. Ao todo, foram 4.485 atendimentos a mais em 2023.

O balanço dos dados aponta que em 2023, foram contabilizados 23.630 atendimentos a população em situação de rua. Já em 2022, foram 19.145 atendimentos.

De acordo com Allan Cavalcante, secretário da Semcaspi, o aumento no número de atendimentos é reflexo da potencialização dos serviços ofertados para a população em situação de rua.

“Esses números têm apresentado aumento, a cada ano, principalmente, pela oferta e qualidade dos serviços que estamos oferecendo no Centro de Valorização para a População em Situação de Rua. Essa unidade foi projetada para atender a demanda deste público, que vive em grande maioria nos espaços públicos do Centro de Teresina. Só o ano passado, atingimos mais de 23 mil atendimentos, que é um número significativo para a nossa equipe”, ressaltou.

Allan Cavalcante conta que a adesão aos serviços ofertados para a população em situação de rua não pode ser compulsória, mas sim deve partir do interesse pelo atendimento.

“Temos a equipe de agentes de proteção social, os APS, que faz a abordagem social, apresentando os serviços, sensibilizando a pessoa que está por alguma situação nos espaços de rua, necessitando destes atendimentos. O diferencial deste serviço é que estamos ofertando oportunidades, possibilidades, o acesso aos seus direitos e a dignidade reestabelecida”, destacou.

 

Deixe uma resposta