Sesapi corrige dados e exclui 8 mil casos de covid-19 do painel

Diagnósticos negativos para o novo coronavírus foram computados como positivos, de acordo com a Secretaria de Saúde.

O Centro de Vigilância Estratégia em Saúde do Piauí (Cievs) realizou uma avaliação nos dados exportados do E-SUS, desde 6 de janeiro de 2022, e constatou uma alteração nos números de exames positivos para covid-19 no Piauí, que estavam represados desde o ataque ao sistema em 10 de dezembro de 2021.

Superintendente de Atenção à Saúde e Municípios, Herlon Guimarães (Foto: Divulgação)

Foram contabilizados 8.481 casos positivos a mais para o estado, devido à inconstância no programa. “No dia 6 de janeiro o E-SUS voltou a funcionar, porém com instabilidade. Mesmo assim foi possível fazer a exportação dos casos. (Fomos) alertados por nossos municípios, que pessoas que testaram negativo para covid-19 foram inseridas como casos positivos, realizamos uma varredura no sistema e constatamos mais de oito mil casos com erro para o Piauí”, disse o superintendente de Atenção à Saúde e Municípios, Herlon Guimarães.

Com a alteração o número de casos positivos no Piauí passa a ser 336.690 e não 345.171, como divulgado no último Boletim Epidemiológico, de 17 de janeiro de 2022. O documento a ser divulgado na noite desta terça-feira (18) contará com a correção dos números e com os dados fechados até o final do dia de hoje.

A falta dos dados do sistema gerou dificuldades para os estados colherem as informações sobre a doença neste período, uma vez que é através desta plataforma que os municípios realizam o cadastro de casos e óbitos pela doença. “Após o alerta dos municípios fizemos uma varredura no sistema e constatamos a inconsistência. Agora com os dados atualizados podemos ter uma visão da realidade da pandemia no estado”, disse o superintendente.

Desde que o sistema voltou a funcionar, mesmo com instabilidades, os técnicos do Cievs extraíram 1.022 casos positivos, que somados com os números do Gerenciador do Ambiente Laboratorial (GAL), onde os hospitais cadastram os casos notificados, contabilizou 2.026 positivos para a covid-19, de 6 a 17 de janeiro deste ano.

 

Deixe uma resposta