O perigo das doenças silenciosas

Essas doenças vão acometendo gradualmente as pessoas sem que elas se deem conta, pois os sintomas iniciais podem passar despercebidos.

A falta de atividade física, hábito desregrado com a alimentação, ingestão de álcool cada vez mais frequente e consumo de cigarro…. falta de um chekap …. a combinação destes itens é perigosíssima para sua saúde.

A falta de atitude em relação a essa situação pode custar muito caro para a saúde, pois vão deixando sempre pra depois, pra depois. E somente tardiamente tomam uma providência…. Aí já pode ser tarde demais.

Essas doenças vão lhe acometendo gradualmente sem que você se dê conta, pois os sintomas iniciais podem passar despercebidos.

E quando você menos esperar, você pode já estar diabético, hipertenso, com um câncer etc.

Boa parte dessas doenças está diretamente ligada ao estilo de vida das pessoas. Outras, estão relacionadas a fatores genéticos, o que dificulta ainda mais o diagnóstico.  A melhor forma de combater essas doenças é por meio da prevenção. Para tanto, é preciso procurar um médico constantemente para fazer exames de rotina e se informar bem.

Veja abaixo a lista com as principais doenças silenciosas:

HIPERTENSÃO

É uma das doenças mais recorrentes e que mais crescem em todo o mundo. Isso porque está ligada a maus hábitos alimentares, sedentarismo e ao estresse, típicos do estilo de vida moderno. E quando você menos esperar, sua pressão arterial está muito alta. Nesse caso, a pessoa pode ter fraqueza, tontura dor de cabeça, entre outros sintomas.

DIABETES

É uma doença causada pela baixa (ou nenhuma) produção de insulina ou uma intolerância das células a essa substância. Tendo como resultado o descontrole do açúcar sanguíneo. Se não for tratada, pode prejudicar o funcionamento dos rins e de outros órgãos, levar à perda da visão e a necrose dos tecidos, sobretudo dos membros inferiores e superiores.

OSTEOPOROSE

Esta doença também costuma ser descoberta em estágios muito avançados, quando já ocorre uma fratura. Ocorre pela perda de massa óssea, sobretudo em ossos como o fêmur, a coluna e os joelhos, que ficam porosos, quebradiços e muito frágeis.

Enfim, esses são somente alguns poucos exemplos de doenças que estão poderiam facilmente serem evitadas.

 


DEMÓSTENES RIBEIRO é professor de Educação Física formado pela Universidade Federal do Piauí (UFPI), com pós-graduação em Gerontologia (UFPI), pós-graduação em Treinamento Desportivo e Fisiologia pela Faculdade Gama Filho (RJ), pós-graduação em Aspectos da Medicina Esportiva pela Unopar (PR). Com mais de 30 anos de experiência, Demóstenes é um dos profissionais com mais experiência na área.

 

Deixe uma resposta