Após chuvas, prefeito decreta situação de emergência em Teresina

Os temporais provocaram grandes estragos na capital, com o alagamentos e destruição de residências. Uma pessoa morreu.
Chuvas provocam estragos em Teresina (Foto: Lucas Dias/Semcom)

O prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, assinou neste domingo (2) o decreto que declara situação de emergência na cidade devido aos alagamentos ocorridos em vários pontos da capital, que vem registrando temporais desde sexta-feira (31). Uma pessoa morreu.

O documento vai possibilitar que o poder executivo municipal atue de forma mais urgente na assistência às famílias desabrigadas e que estão em situação de risco devido ao aumento do nível dos rios Parnaíba e Poti com as últimas chuvas.

Dr. Pessoa reuniu hoje parte dos secretários municipais e pontuou ações emergenciais que já começaram a ser adotadas para atender às vítimas de alagamentos.

O prefeito foi pessoalmente acompanhar o trabalho de agentes da Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi) que estão no bairro Mafrense, zona Norte de Teresina, realizando o cadastro de famílias, através do programa “Cidade Acolhedora”, que beneficia pessoas sem moradia ou em situação de risco.

Agentes da Secretaria Municipal de Defesa Civil realizam a remoção de famílias de áreas alagadiças. Elas estão sendo levadas para a Escola Municipal Domingos Afonso Mafrense.

“Além de adotarmos uma série de medidas de assistência à essas famílias estamos decretando situação de emergência na cidade para podermos atuar com mais rapidez no atendimento às vítimas de enchentes em nossa Teresina.

Colocamos assistentes sociais para cadastro e caminhões para auxiliar na retirada dos móveis das casas de áreas de risco”, disse o prefeito.

Teresina vem registrando temporais desde sexta-feira (31). As chuvas alagaram ruas, casas e arrastaram veículos. O chef de cozinha João Marcelo Santana Freitas, de 37 anos, morreu sábado (1º). Ele estava em um carro juntamente com outras cinco pessoas. O veículo foi arrastado pela correnteza, na Rua Sebastião Leal, na zona Leste.

O carro conduzido por João Marcelo caiu em um córrego com dois metros de profundidade. Os outros cinco ocupantes do automóvel foram resgatado com vida. Quando o Corpo de Bombeiros e o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) chegaram ao local ele já estava morto.

Prefeito Doutor Pessoa visita famílias castigadas pelas chuvas (Foto: Lucas Dias/Semcom)
Doutor Pessoa durante reunião com a sua equipe, no Palácio da Cidade (Foto: Lucas Dias/Semcom)

 

Deixe uma resposta