Igreja arrecada material de higiene para moradores de rua

A campanha é realizada pelas pastorais sociais da Arquidiocese de Teresina. Ação começou nesta sexta com um café da manhã.

Começou nesta sexta-feira (19) uma campanha as Pastorais Sociais da Arquidiocese de Teresina para arrecadação de absorventes e materiais de higiene em benefício de pessoas que vivem em situação de rua. A campanha foi aberta às 8h com um café da manhã servido para esse público no canteiro central da Avenida Frei Serafim, em frente à Residência Episcopal.

A ação social faz parte da programação da celebração do Dia Mundial dos Pobres, que foi estabelecida pelo Papa Francisco, em novembro de 2016.

Para o padre João Paulo, coordenador da Pastoral do Povo da Rua, a população de Teresina não pode fechar os olhos para a realidade. “Nós cristão devemos atender ao apelo de Jesus e ser sensível à causa daqueles que estão excluídos”, disse.

Para Marcos Vinícius de Sousa, um dos acolhidos pela Pastoral do Povo da Rua há quatro anos, atividades como essa possibilitam que os que mais precisam possam seguir em diante com condições de dignidade.

“Eu e meu irmão estávamos em situação de rua e o padre João Paulo nos estendeu a mão. Ele nos levou para uma casa de apoio e estamos lá há quatro anos fazendo tratamento e outras atividades para que a gente possa seguir sem usar nenhuma substância”, contou.

Pobreza menstrual

A ação social também buscou alertar para a pobreza menstrual e a falta de recursos que meninas e mulheres enfrentam e é agravada para aquelas agravadas em situação de rua. De acordo com Ana Café, coordenadora das Comunidades Eclesiais de Base (Cebs), a ação também faz parte da articulação da 6ª Semana Social Brasileira (SSB), que trabalha a luta por Terra, Teto e Trabalho.

As pessoas que se sentiram sensibilizadas pela causa e não puderam comparecer, podem ir até o Centro Pastoral Paulo VI, na Avenida Frei Serafim no horário de 8h às 13h, ou à Pastoral do Povo de Rua, na rua Anísio de abreu 702 (Centro/Sul), para fazer a doação de alimentos não-perecíveis, absorventes e materiais de limpeza que serão distribuídos entre os mais necessitados.

Com informações da Arquidiocese de Teresina 

 

Deixe uma resposta