HGV reduz internações por covid-19 em 68,96%

De abril de 2020 até junho deste ano, o Hospital Getúlio Vargas já atendeu 1.536 casos da doença, segundo levantamento.

O Hospital Getúlio Vargas (HGV) apresentou uma redução de 68,96% no número de casos de internações por covid-19 em relação ao mesmo período do ano passado. Desde abril de 2020 a junho 2021, o HGV atendeu 1.536 casos da doença. Os indicadores são do 20° Informe Epidemiológico do hospital, correspondentes ao período de 1º de abril de 2020 a 31 de junho de 2021.

No mês de junho deste ano, 87 pacientes deram entrada no HGV com a doença, uma redução de 68,96% em relação ao mesmo período do ano passado, que houve 147 admissões.

De acordo com o diretor-geral, Osvaldo Mendes, a queda seguiu a expectativa que após a imunização, os registros de novos casos iriam começar a cair, o que realmente aconteceu.

“Temos observado que está havendo uma redução de internações da doença proporcional a ampliação da imunização. Pois a pessoa imunizada, mesmo que tenha a doença, tem menos probabilidade de apresentar um quadro grave da doença”, explicou o médico.

Os dados apontam que o maior número de pacientes internados foi do sexo masculino, com 55% dos casos e o maior percentual foi de pessoas acima de 60 anos, com 57% dos casos.

O presidente da Fundação Estatal Piauiense de Serviços Hospitalares (Fepiserh), Ítalo Rodrigues, destaca que os números são positivos, mas alerta para a necessidade de manter os cuidados preventivos.

“Mesmo com o avanço da vacina e com a redução das internações, as medidas preventivas devem ser mantidas. Precisamos reduzir ainda mais o número com pacientes covid-19 para que, enfim, a pandemia seja vencida”, afirmou.

 

Deixe uma resposta