Ivana Teles: estresse na infância em tempos de pandemia

Uma em cada quatro crianças apresentou regressão de comportamento durante a pandemia, segundo estudo. 

Estudo da Fundação Maria Cecilia Souto Vidigal (FMCSV) mostra que 27% das crianças de zero a três anos voltaram a ter comportamentos de quando eram mais novas. Dificuldades na fala ou na alimentação são comuns em cenários de estresse.

Regressões no comportamento são sinais de que a criança está sob estresse e é uma forma que elas encontram de pedir aconchego.

A psicologa Ivana Teles, da rede Hapvida, fala sobre os impactos desta situação de estresses nas infância.

De que forma o estresse gerado pela situação de pandemia afetou as crianças? Quais são os principais sinais para os quais os pais devem ficar atentos e se existem formas de reverter e melhorar a situação para as crianças que estão com este comportamento. Quais são?

Veja o vídeo:

 

Deixe uma resposta