Força muscular é a principal qualidade física do idoso

Os longos anos que estão sendo acrescidos na vida das pessoas devem ser vividos com qualidade e dignidade. Saiba como.

Nossos idosos estão vivendo cada vez mais tempo. Ou seja, a longevidade tem aumentada a cada que passa. Isso se deve em parte aos avanços da medicina e grandes investimentos dos laboratórios criando drogas cada vez eficientes, assim como maior conscientização da importância em se adotar um estilo de mais saudável.

Esses longos anos que estão sendo acrescidos na vida das pessoas devem ser vividos com qualidade e dignidade.

E para isso, o engajamento em programas de exercicios é fundamental, desde que os exercícios escolhidos sejam força muscular.

A força muscular é a principal qualidade física que deve ser praticada para combater a SARCOPENIA (perda de massa muscular). Estudos comprovam que cerca de 1/3 de músculos é perdido por ano depois dos 40 anos. Tendo esse número dobrado por ano depois do 65 anos.

A sarcopenia é uma condição muito indesejável que compromete seriamente um final de vida digno e feliz.

O trabalho com pesos, além de ser o ideal para o idoso, apresenta também um considerável grau de segurança cardiovascular, ou seja, o risco de um evento cardíaco (tipo infarto do miocárdio) durante a prática da musculação é baixo.

Caso o idoso não tenha condição de frequentar uma academia, o que seria o ideal, deveria fazer pelo menos uma caminhada de 30 minutos diários para combater o sedentarismo.

O que não pode é ficar totalmente parado, pois o sedentarismo é um veneno para a saúde, enquanto os exercícios são um remédio.

 


DEMÓSTENES RIBEIRO é professor de Educação Física formado pela Universidade Federal do Piauí (UFPI), com pós-graduação em Gerontologia (UFPI), pós-graduação em Treinamento Desportivo e Fisiologia pela Faculdade Gama Filho (RJ), pós-graduação em Aspectos da Medicina Esportiva pela Unopar (PR). Com mais de 33 anos de experiência, Demóstenes é um dos profissionais com mais experiência na área.


 

Deixe uma resposta