Com pandemia, Corpus Christi não terá procissão

Arcebispo metropolitano de Teresina, Dom Jacinto Brito, presidirá a Santa Missa das 17h, na Catedral das Dores, na Praça Saraiva.

Pelo segundo ano consecutivo, a programação do dia de Corpus Christi não terá a procissão com Jesus Eucarístico pelas ruas do Centro de Teresina, por causa da pandemia do novo coronavírus, segundo a programação divulgada pela arquidiocese. A data, celebrada na próxima quinta-feira, 3 de junho, é uma das mais importantes da Igreja Católica.

“Neste dia celebramos a real e substancial presença de Cristo na Eucaristia. É na celebração da Santa Missa que nasce a Eucaristia, o Corpo e Sangue do Senhor. E diante desta presença amorosa somos convidados a adorá-lo, a reconhecê-lo, e sobretudo testemunhá-lo no mundo em que nós vivemos”, disse o padre Klebert Viana, pároco da Catedral de Nossa Senhora das Dores.

Na Catedral de Nossa Senhora das Dores (Praça Saraiva, no Centro), a programação iniciará às 7h15 com missa, seguida de adoração ao Santíssimo Sacramento. Ao meio dia também haverá celebração, e às 16h, outro momento de adoração. No final da tarde, às 17h, o arcebispo Metropolitano de Teresina, Dom Jacinto Brito, preside Santa Missa na igreja.

Todas as paróquias e comunidades da Arquidiocese de Teresina realizarão celebrações. A missa das 17h na Catedral de Teresina também pode ser acompanhada no Youtube @catedraldeteresina e através da Rádio Pioneira.

 

Deixe uma resposta