Sesapi e hospitais planejam rede de atendimento cardiológico

O objetivo é reorganizar o processo de regulação dos pacientes para atingir e garantir um acesso mais rápido ao tratamento.

A Secretaria Estadual da Saúde (Sesapi) realizou uma reunião nesta sexta-feira (21) com equipes da regulação estadual, Fundação Municipal de Saúde de Teresina, Hospital Getúlio Vargas (HGV), Hospital Universitário e Hospital São Paulo para tratar da organização da rede de assistência cardiológica do estado.

Os gestores discutiram durante a reunião o fluxo de atendimento ambulatorial, urgência e fila de espera das cirurgias eletivas cardíacas, o objetivo é reorganizar o processo de regulação dos pacientes para atingir e garantir um acesso com maior rapidez ao tratamento.

Devido à pandemia, os procedimentos eletivos cardiológicos tiveram que ser suspensos, ficando apenas aqueles de urgência e emergência. O Hospital Getúlio Vargas retomou as cirurgias cardiológicas eletivas no dia oito de maio.

Desde o dia 1º de maio, a Sesapi também enviou um oficio às unidades hospitalares do estado sobre a necessidade de retorno gradual das atividades eletivas – cirurgias e ambulatório- porém o planejamento deve ocorrer de forma gradual e respeitando a disponibilidade de medicamentos, EPI’s, insumos e realocação de profissionais da saúde.

 

Deixe uma resposta