Municípios do Piauí vão receber vacina da Pfizer

A Sesapi está discutindo com as equipes dos municípios sobre a distribuição e aplicação da vacina.

A vacina da Pfizer também será distribuída com outros nove municípios piauienses, além de Teresina, informou hoje (21) a Secretaria Estadual da Saúde (Sesapi). Até agora, o imunizante contra a covid-19 estava sendo aplicado apenas na população da capital, por causa da exigência no armazenamento.

Na noite de quinta-feira (20), técnicos da Sesapi realizaram reunião para discutir com os municípios do Piauí a respeito do envio de doses da vacina. A reunião na câmara técnica de vacinas foi com os municípios considerados elegíveis para a recepção de doses da vacina Pfizer e sua aplicação correta na sua população.

Saúde distribuirá vacina da Pfizer com os municípios (Foto: Divulgação)

Os municípios convocados tiveram dois critérios prioritários. Primeiro, a densidade populacional elevada e além de serem sede de regiões de saúde. Além disso também foram considerados municípios de menor porte com proximidade a capital do estado.

Cristiane Moura Fé, diretora de vigilância em saúde da Sesapi, explica que a escolha dos municípios foi feita também considerando a atual logística de distribuição das vacinas. “Nós municípios de menor porte, mas próximos da capital, temos a possibilidade do transporte terrestre, enquanto isso nos municípios sede de região teremos o transporte aéreo das vacinas”, disse.

Floriano, Piripiri, Bom Jesus, Parnaíba, São Raimundo Nonato, Picos, São João da Serra, Campo Maior e Água Branca são os municípios que vão receber estoque da Pfizer.

O secretário Florentino Neto destacou que haverá uma série de interações junto aos municípios para poder iniciar esse envio das vacinas Pfizer, permitindo assim que as cidades tenham condições completas de empregar as doses na execução da campanha de vacinação contra a covid-19.

“Agora teremos um processo de capacitação dos nove municípios para que estejam 100% aptos a receber e executar a imunização de sua população com as vacinas da Pfizer. Partiremos a partir da orientação sobre as necessidades e características de estrutura que esses municípios deverá ter para fazer essa adesão, teremos então o treinamento pela equipe da coordenação de imunização e pela equipe do Ministério da saúde, contando até mesmo com representantes da própria Pfizer”, disse Florentino Neto.

 

Deixe uma resposta