Covid: sobe para 263 mil total de casos no Piauí, com 5.718 mortes

No Brasil, o número de mortes chegou a 444.094. As autoridades de saúde registraram 2.403 vidas perdidas em 24 horas.

O Piauí registrou 1.224 casos de novo coronavírus, que causa a covid-19, nas últimas 24 horas. Com isso, o estado atingiu 263.251 diagnósticos positivos para a doença, de acordo com os dados do boletim atualizado da Secretaria Estadual da Saúde (Sesapi), divulgado na noite desta quinta-feira (20).

O balanço também informa o registro de 21 mortes provocadas pela infecção – 16 de ontem para hoje e cinco ocorridas em datas anteriores. O estado soma, agora, 5.718 óbitos em 222 municípios. As cidades de Massapê e São Luís do Piauí são as únicas fora desta estatística.

As vítimas recentes da covid-19 são de Parnaíba (2), São João do Arraial (2), Teresina, Floriano, Miguel Alves, Piracuruca, Piripiri, São João do Piauí, Anísio de Abreu, Luís Correia, Paes Landim, São Miguel do Fidalgo, Simplício Mendes e Várzea Grande.

Teresina responde pelos cinco casos de óbitos acumulados que entraram hoje para o sistema da Sesapi. A capital é o principal foco da doença no estado, com 92.291 contaminados e 2.135 vidas perdidas na pandemia.

No momento, 1.072 recebem acompanhamento médico na rede hospitalar do Piauí, sendo que 376 estão na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Brasil: 444 mil mortes por covid

O número de pessoas infectadas pelo novo coronavírus desde o início da pandemia atingiu 15.894.094, conforme nova atualização diária do Ministério da Saúde, divulgada na noite desta quinta-feira (20).

Já o número de mortes chegou a 444.094. As autoridades de saúde registraram entre ontem e hoje 2.403 novas vidas perdidas para a covid-19.

O ranking de estados com mais mortes pela covid-19 é liderado por São Paulo (106.437). Em seguida vêm Rio de Janeiro (49.036), Minas Gerais (38.222), Rio Grande do Sul (27.167) e Paraná (25.203). Já na parte de baixo da lista, com menos vidas perdidas para o vírus, estão Roraima (1.589), Acre (1.632), Amapá (1.645), Tocantins (2.760) e Alagoas (4.554).

Da Redação e Agência Brasil

 

Deixe uma resposta