Prefeitura investirá R$ 40 milhões para revitalizar margens dos rios

O lançamento do projeto aconteceu na manhã desta segunda-feira, no Palácio da Cidade, com a presença do prefeito Dr. Pessoa.

A Prefeitura de Teresina (PMT) lançou hoje (26) o projeto Vida Rios, que pretende revitalizar as margens dos rios Poti e Parnaíba. Serão investidos quase R$ 40 milhões, de acordo com o prefeito José Pessoa Leal (Dr. Pessoa).

O projeto foi elaborado por arquitetos, técnicos e especialistas da PMT, através das Secretarias do Meio Ambiente, Planejamento e Desenvolvimento Urbano e Habitação com apoio da Superintendência de Ações Administrativas Descentralizadas (Saad) Centro.

“O Vida Rios será um marco para a gestão municipal de Teresina. Vamos transformar aquela área e queremos entregar em agosto, no aniversário da cidade, como presente a nossa população”, disse a secretária do Meio Ambiente, Elisabeth Sá.

O projeto inclui desde a revitalização de todo o Cais do Parnaíba e a recuperação da mata ciliar, até a requalificação de ruas próximas. Ações como a construção de restaurantes flutuantes e pedalinhos também estão sendo pensadas para atrair os teresinenses.

“Estamos pensando em um projeto completo, que trará opções de lazer para os moradores, estacionamentos e restaurantes, e vamos tornar o Centro da cidade mais agradável para todos”, disse o secretário de Desenvolvimento Urbano e Habitação, Edmilson Ferreira.

O projeto será implantado em três etapas e a primeira já será contemplada através do Programa Ação Centro para englobar o tradicional cais do Rio Parnaíba e a origem da cidade. O Cais do Parnaíba será construído em dois trechos e vai da Ponte Metálica até a Praça Da Costa e Silva.

Recursos garantidos

O superintendente da Saad Centro, Roncalli Filho, garantiu também que já está em tratativas para obter mais recursos para implementar ações do projeto.

“Estamos trabalhando para fazer acontecer e transformar o projeto em realidade. Já conseguimos através do senador Marcelo Castro recursos para a primeira etapa e vamos agora avançar para conseguir todo o orçamento para o Vida Rios”, disse Roncalli Filho.

“O nosso principal objetivo é devolver vida ao Centro, aproximar a população dos rios, mas também realizar feiras na Praça Da Costa e Silva, exposições, enfim, trazer atrativos para que as pessoas redescubram o centro”, afirmou o secretário de Planejamento, João Henrique Sousa.

 

Deixe uma resposta