Em 24 horas, Piauí tem 31 mortes por covid, 20 em Teresina

O estado registra 4.493 vidas perdidas para o coronavírus, com mais de 218 casos registrados desde o início da pandemia.

O Piauí teve em 24 horas 31 óbitos por covid-19. Destes, 20 foram registrados em Teresina, a cidade piauiense mais afetada pela pandemia. Com isso, o estado chega a 4.493 mortes. Na capital, são 1.743 vidas perdidas em pouco mais de um ano.

Os dados são do boletim divulgado na noite deste sábado (10) pela Secretaria Estadual da Saúde (Sesapi). A pasta registrou 1.320 casos. Com isso, o estado atinge a marca de 218.653 pessoas contaminados pelo novo coronavírus.

Além de Teresina, outros nove municípios confirmaram mortes de ontem para hoje. São eles: Floriano (3 vítimas), Demerval Lobão (2), Pedro II, Pio IX, Piripiri, Luzilândia, Pavussu e Redenção do Gurguéia.

De acordo com a Sesapi, dos leitos existentes na rede de saúde do Piauí para atendimento os pacientes de covid, 1.322 estão ocupados, sendo 423 na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

No momento, a taxa de ocupação dos leitos clínicos da ala covid passa de 75%. No setor de UTI, pelo menos 93% das vagas estão ocupadas.

Campanha de vacinação

O vacinômetro aponta que 320.644 pessoas já receberam a primeira dose de vacina no estado, sendo que 71.451 tomaram a segunda.

Os dados são atualizados a cada 15 minutos a partir das informações das secretarias municipais de Saúde.

Números da covid no Brasil

Nas últimas 24 horas, foram registrados 71.832 novos casos de covid-19 e 2.616 mortes pela doença. Desde o início da pandemia, o país registrou 13.445.006 casos confirmados e 351.334 óbitos, segundo boletim divulgado neste sábado (10) pelo Ministério da Saúde.

Segundo o boletim, o número de recuperados é de 11.838.564. Há também 1.255.108 casos em acompanhamento.

São Paulo é o estado com o maior número de casos e de mortes, com 2.636.378 e 82.407, respectivamente. No número de casos, o segundo estado no ranking é Minas Gerais, com 1.220.638, seguido pelo Rio Grande do Sul, que teve 890.558, e o Paraná, com 881.493. Entre os óbitos, o segundo lugar está com o Rio de Janeiro (39.298), seguido de Minas Gerais (27.618) e Rio Grande do Sul (21.864).

Da Redação e Agência Brasil

Deixe uma resposta