UFPI diz que só reiniciará as aulas presenciais com segurança

Instituição suspendeu as aulas em março por causa da pandemia do coronavírus. A UFPI tem mais de 40 mil alunos.
Campus da UFPI, em Teresina (Foto: Reprodução)

A Universidade Federal do Piauí (UFPI) informou hoje (23), através de nota, que as aulas presenciais do calendário acadêmico do primeiro semestre de 2020 serão retomadas na instituição somente com “condições sanitárias e estruturais seguras e adequadas”.

A UFPI suspendeu as aulas em março deste ano, atendendo a recomendação das autoridades da Saúde, a fim de evitar aglomerações, ambiente ideal para a disseminação do novo coronavírus.

Com relação ao curso de medicina, que exige aulas práticas, a nota informa a instituição manterá contatos com os estudantes “a fim de discutirem sobre protocolos de segurança para o enfrentamento da pandemia Covid-19, para, depois de aprovados, poderem reiniciar o internato de forma gradual e segura”.

“Neste mês de setembro, foi iniciada a discussão sobre a retomada do Calendário Acadêmico 2020.1, de forma remota, junto aos cursos de graduação da UFPI”, diz a nota divulgada nesta quarta-feira (23).

A Universidade Federal do Piauí tem mais de 40 mil estudantes espalhados por vários campi em Teresina e no interior do Piauí.

Nesta semana, o Governo do Piauí assinou decreto que determina a volta às aulas presenciais no ensino superior somente em 2021. Foram liberadas apenas atividades para o 3º ano do ensino médio, além de estágios e aulas práticas nos cursos de graduação.

A seguir, na íntegra, a nota da UFPI:

A Universidade Federal do Piauí, por meio da Pró-Reitoria de Ensino de Graduação (PREG), acerca do calendário 2020.1 e da retomada presencial das atividades acadêmicas, informa que:

▪ O retorno presencial, nas instalações da UFPI, só ocorrerá quando se identificarem condições sanitárias e estruturais seguras e adequadas, para tanto, indicadores estão sendo construídos junto ao Comitê Gestor de Crise (CGC) institucional.

▪ O calendário de internato do curso de Medicina obedece às Diretrizes Curriculares Nacionais para cursos de medicina/MEC. Estando em construção, nesta IFES, uma proposta de retorno às atividades do internato, com base nos regramentos emitidos pelos Ministérios da Educação e Saúde, acadêmico-institucional e protocolos sanitários nas esferas federal, estadual e municipal. Ressalta-se ainda que o Calendário do Internato da Medicina ainda será deliberado pelo Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão, CEPEX.

▪ A orientação desta Pró-Reitoria para o curso de medicina é que se iniciem os contatos com os discentes a fim de discutirem sobre protocolos de segurança para o enfrentamento da pandemia COVID-19, para, depois de aprovados, poderem reiniciar o internato de forma gradual e segura.

▪ Neste mês de setembro, foi iniciada a discussão sobre a retomada do Calendário Acadêmico 2020.1, de forma remota, junto aos cursos de graduação da UFPI. Tem-se apresentado uma proposta de calendário e, a partir dela, recebido contribuições da comunidade acadêmica para a construção da resolução que servirá de amparo para a execução de um próximo calendário, assim como ocorreu na construção do calendário 2020.3, a comunidade acadêmica está sendo instada a se manifestar.

Assim, reiteramos que esta Pró-Reitoria defende uma construção coletiva, com a participação ativa da comunidade acadêmica, para que possamos atravessar esse momento desafiador, de forma segura e responsável com a vida, com a comunidade interna e externa a UFPI.

 

Deixe uma resposta