Prefeitura de Teresina amplia funcionamento do comércio

Lojas do Centro da cidade, dos shoppings e dos bairros terão mais tempo para atender a clientela.
Shopping da Cidade: expediente ampliado (Foto: Reprodução)

O prefeito Firmino Filho assinou hoje (28) um decreto que amplia o horário de funcionamento do comércio varejista em Teresina. Isso foi possível devido a redução a redução no número de casos confirmados do novo coronavírus. A medida entra em vigor na próxima semana.

“A última pesquisa sorológica realizada na cidade mostrou uma queda no número de positivados na nossa cidade, uma queda do número de atendimentos por síndromes gripais e também da taxa de ocupação dos leitos de Unidades de Terapia Intensivas (UTIs) para a Covid-19″, disse o prefeito.

Firmino Filho alerta que ainda é importante manter os protocolos de segurança, que recomendam distanciamento social e cuidados com a higiene. “A pandemia ainda existe, os riscos são reais”, afirmou.

Confira as mudanças

Comércio de rua no centro e lojas do Shopping da Cidade: expediente das 9h às 18h.

Lojas da zona Leste de Teresina: das 10h às 20h.

Shoppings centers (Teresina, Riverside e Rio Poty): das 12h às 20h.

Comércio varejista e atacadista localizado fora do Centro de Teresina: das 8h30 às 17h30.

Retomada dos negócios

A retorno gradual das atividades econômicas em Teresina teve início nas primeiras semanas de julho e deve ser concluído em setembro, de acordo com o calendário da Prefeitura do município e do Governo do Estado.

A maior parte dos negócios já está funcionando, embora com algumas restrições. O setor de eventos, aquele que mais provoca aglomerações, ainda não foi liberado. Nas escolas, as aulas estão sendo ministradas pelo sistema remoto.

A capital ainda mantém medidas restritivas mais rígidas no final de semana, mas com alguma flexibilização.

As normas de isolamento social no Piauí foram implantadas na segunda quinzena de março, com a finalidade de evitar o contágio com o novo coronavírus, que provoca a Covid-19.

A mesma situação foi registrada nos demais estados brasileiros. A retomada das atividades segue um protocolo rígido de segurança.

 

Deixe uma resposta