Teresina fica mais um fim de semana sem ônibus

Medida é para melhorar o índice de isolamento social na cidade. Segunda-feira, frota retorna com mais veículos e lotação limitada. 

Os ônibus do transporte coletivo de Teresina não circulam neste final de semana. Na segunda-feira, o setor volta com aumento da frota e limite de passageiros por viagem.

A suspensão do serviço faz parte das medidas de restrições para o funcionamento das atividades econômicas. O objetivo é reduzir a disseminação do coronavírus na capital.

Só passageiros sentados

O novo decreto publicado pela Prefeitura estabelece que os ônibus só poderão circular com o quantitativo de passageiros sentados, o que será controlado em cada viagem por motoristas e cobradores.

Além disso, também foi estabelecido que as empresas que operam o sistema de transporte público devem aumentar a frota de veículos em circulação.

A Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans) emitirá a ordem de serviço ainda nesta sexta-feira (21), para que os consórcios se adequem às determinações e estabeleçam novos quadros de horário.

“A partir de segunda, os usuários do transporte público irão contar com mais ônibus circulando. Mas precisamos da colaboração de todos para que não haja aglomerações e que só embarquem somente em veículos com disponibilidade de vagas”, disse o superintendente da Strans, Weldon Bandeira.

O gerente de planejamento da Strans, Denilson Guerra, explica que, a partir da ordem de serviço, as operadoras deverão se adequar e apresentar um novo quadro de horário, com mais veículos disponíveis.

“A partir do retorno das operadoras, poderemos divulgar os novos quadros de horários e o aumento da frota em número”, garantiu.

Os ônibus continuarão fazendo o percurso dos bairros para o centro, já que os terminais de integração continuam desativados para evitar aglomerações.

Os fiscais de transporte da Strans contarão com o apoio da Guarda Civil Municipal durante as fiscalizações. Quem descumprir as determinações estará sujeito à aplicação de multas.

Gratuidade para idosos

O transporte público também voltou a permitir a gratuidade do serviço de transporte coletivo aos idosos, desde a última quinta-feira, após decisão liminar do Juiz da 2ª Vara dos Feitos da Fazenda Pública. A determinação é oriunda de uma Ação Civil ajuizada pela Defensoria Pública do Estado do Piauí.

O benefício havia sido suspenso pela Prefeitura de Teresina, por meio de Decreto Nº 19.541, de 23 de março de 2020, como forma de reforçar o isolamento social aos idosos, que fazem parte do grupo de risco da Covid-19.

Com informações da Semcom

 

Deixe uma resposta