Parque da Cidadania abre só dois dias nesta semana

Nesta 1ª etapa da reabertura, apenas atividades físicas individuais poderão ser realizadas no parque, um dos mais frequentados pelos teresinenses.

Por causa das medidas restritivas mais rígidas decretadas para o próximo final de semana em Teresina, o Parque da Cidadania abrirá somente na quinta (30) e sexta-feira (31), das 6h às 9h e das 16h às 19h. Nesta primeira etapa, apenas atividades físicas individuais poderão ser realizadas no espaço.

A decisão tem o objetivo de melhorar os índices de isolamento social na cidade, evitando a propagação do novo coronavírus durante o processo de reabertura gradual dos setores da economia.

O secretário municipal de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semam), Olavo Braz, destacou que somente o Parque da Cidadania vai funcionar nesse primeiro momento. O local segue um protocolo específico para minimizar os riscos de contágio pela Covid-19.

“Além dessas limitações de dias e horários, o parque só poderá ser acessado pelo portão do estacionamento e terá sua capacidade de ocupação reduzida”, acrescentou.

Os frequentadores deverão cumprir regras de higiene, segurança e comportamento, a exemplo do uso obrigatório de máscara de proteção facial, respeito às demarcações feitas nos espaços para garantir o distanciamento social e a prática de atividades físicas individuais.

No parque também será disponibilizado álcool gel no portão de acesso e produtos básicos para higiene das mãos nos banheiros. Além disso, em toda a área serão afixados alertas visuais, como placas, contendo orientações para o público.

Caminhadas, corridas, alongamentos, circuitos, ciclismo e treinos funcionais estão entre as atividades físicas que podem ser realizadas, desde que sejam feitas individualmente, sem contato físico e mantendo o distanciamento entre os praticantes.

Permanece proibido o uso das quadras esportivas, academia popular e playground, já que são estruturas de uso compartilhado e que não favorecem a manutenção das medidas de higiene e segurança. Os quiosques de vendas de alimentos e similares também continuam fechados até que sejam liberadas as atividades de lanchonetes e restaurantes. Está proibido o comércio na parte externa do local.

Por serem estruturas fechadas, a Galeria de Arte Santeira e o Museu do Inconsciente também permanecem com as atividades suspensas.

Avenida Raul Lopes

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) reforçou a fiscalização para garantir uma retomada livre de transmissão da Covid-19.

Na segunda-feira (27), a equipe da Vigilância Sanitária Municipal esteve na Avenida Raul Lopes, dando orientações e distribuindo máscaras para uso das pessoas que estavam no local. A falta do equipamento dá multa a partir de R$ 500.

Segundo Jeanyne Seba, gerente de Vigilância Sanitária da FMS, o trabalho da equipe foi focado na conscientização sobre o uso do acessório, que evita uma maior disseminação do novo coronavírus pelo ar.

O protocolo de reabertura do município listou regras específicas para a prática de atividades físicas ao ar livre. Entre elas, está o uso obrigatório de máscaras por todos os frequentadores desses espaços.

Outra regra fundamental estabelece que a prática deve ser individual, respeitando as medidas de distanciamento de dois metros entre pessoas que estão apenas caminhando (tanto para os lados como para a frente) e de 10 metros entre pessoas que estão correndo.

Semcom

 

Deixe uma resposta