Retomada do expediente nos órgãos estaduais será no dia 10 de agosto

Leia mais: cai o movimento de pessoas no Centro de Teresina; diminui taxa de isolamento social; olimpíadas terão menos atletas.

Uma nota divulgada pela Secretaria de Estado da Administração e Previdência (SeadPrev) informa que a retomada do atendimento presencial nos 22 órgãos do executivo estadual só ocorrerá no dia 10 de agosto.

Inicialmente, o retorno do expediente estava previsto para esta terça-feira (14).

Até lá, todos os órgãos estaduais deverão preparar o ambiente de trabalho para a volta das atividades presenciais e do atendimento ao público externo.

Movimento de pessoas no Centro de Teresina cai 90%

O movimento de pessoas teve uma redução de 90% no primeiro dia de ruas bloqueadas no Centro de Teresina.

A circulação de veículos está proibida nos locais de maior número de lojas de departamento e outros tipos de comércio.

A medida foi tomada porque havia um grande número de carros e pessoas no centro comercial, mesmo em tempos de isolamento social contra o novo coronavírus.

Isolamento social em Teresina é de 42,60%

Teresina registrou nesta segunda-feira (13) o índice de 42,60% de isolamento social, segundo dados da Startup InLoco.

O levantamento feito pela Prefeitura de Teresina apontou que alguns bairros tiveram índices ainda mais negativos, como o Parque Juliana (19,20%), Pedra Miúda (23,10%) e Angelim (29,60%).

Em comparação ao restante do Brasil, Teresina foi a quinta capital a apresentar os melhores índices de isolamento, ficando atrás de Porto Alegre, Florianópolis, Rio Branco e Porto Velho.

Jogos Olímpicos de Tóquio

Os Jogos Olímpicos de Tóquio, adiados de junho deste ano para 2021, terão um número menor de atletas participantes.

A previsão é do presidente do Comitê Olímpico Japonês (JOC, na sigla em inglês), Yasuhiro Yamashita.

O objetivo é reduzir gastos e garantir a segurança dos atletas.

A competição foi adiada por causa da pandemia do novo coronavírus (covid-19).

Guarda registra 11 descumprimentos de medidas protetivas

A Guarda Maria da Penha, executado pela Guarda Civil Municipal, já flagrou 11 descumprimentos de medidas protetivas desde o início de sua operação, em junho .

O projeto atende mulheres vítimas de violência que são assistidas pelo Centro de Referência Esperança Garcia.

A estratégia consiste em visitas de 8 a 10 mulheres por dia, dependendo da gravidade dos casos.

O monitoramento acontece nos três turnos, durante todos os dias e é realizado por um trio de guardas, sendo uma, obrigatoriamente, mulher.

 

Deixe uma resposta