Piauí registra mais de 26 mil casos de Covid-19, com 784 mortes

O Brasil tem até agora 1.577.004 casos de coronavírus. Destes, 64.265 casos resultaram em óbito.

Os dados atualizados da Secretaria Estadual da Saúde (Sesapi) mostram que 518 novos casos de coronavírus e 22 óbitos foram registrados no Piauí nas últimas 24 horas. Assim, o estado chega a 26.079 infectados e 784 mortes por Covid-19.

Teresina responde por 14 das mortes confirmadas de ontem para hoje. Com uma vítima cada estão as cidades de Campo Maior, Colônia do Piauí, Floriano, Luis Correia, Parnaíba, Pedro II, Porto e Santa Rosa.

Subiu para 90 o número de municípios com vidas perdidas para a doença, segundo a Sesapi. Teresina tem a maioria dos casos, 447 óbitos, seguida por Parnaíba (67), Barras (16) e Campo Maior (15).

Neste sábado, de acordo com o balanço diário, 237 são homens e 281 são mulheres com idades que variam de um mês a 96 anos foram diagnosticados com o vírus. Teresina tem 9.742 pessoas contaminadas. Na sequência, estão Parnaíba (3.387), Campo Maior (889) e Picos (791).

Brejo do Piauí entra na lista de municípios atingidos pela pandemia. Agora, são 212 cidades com a presença do novo coronavírus, o que representa 94,64% dos municípios piauienses.

Dos leitos existentes na rede de saúde do Piauí para atendimento à Covid-19, há 906 ocupados, sendo 570 leitos clínicos, 320 UTIs e 16 leitos de estabilização. As altas médicas acumuladas somam 1.181 e os pacientes recuperados são 24.389.

Números do Brasil

Segundo o boletim divulgado no final da tarde de hoje (04) pelo Ministério da Saúde, o Brasil registrou até o momento 1.577.004 casos de covid-19. Destes, 64.265 casos resultaram em óbito – 1.091 registrados nas últimas 24 horas. O número de pessoas recuperadas é de 876.359.

Entre os estados, São Paulo continua com o maior número de casos até agora, 312.530; seguido pelo Ceará (120.952) e Rio de Janeiro (120.440). Em número de mortes, no entanto, o Rio de Janeiro, com 10.624, ultrapassa o Ceará, que teve 6.411 óbitos até o momento. Também nesse quesito, São Paulo registra o maior número, com 15.996 mortes.

Da Redação e Agência Brasil

 

Deixe uma resposta