UPA aproxima família e paciente com Covid-19 por chamada de vídeo

Foco do projeto é reforçar o vínculo familiar durante a internação, de acordo com a psicóloga da UPA do Renascença.

A Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Renascença iniciou esta semana um trabalho para aproximar os pacientes com Covid-19 dos seus familiares. Como as visitas não são permitidas, a psicóloga Mércia Fernanda vai até os leitos e faz chamadas de vídeo, permitindo o contato da família com as pessoas em tratamento.

“O foco do projeto é aproximar e fortalecer os vínculos familiares nesse momento de internação. Pois manter o vínculo afetivo do paciente, mesmo que de forma digital, contribui para sua recuperação”, explica Mércia Fernanda, informando que as ligações de vídeo são feitas de domingo a domingo, a partir das 11h.

Um dos pacientes que aprovou a iniciativa foi o instrutor de autoescola Pedro Marcos dos Santos Neto, de 49 anos, que está sendo tratado na UPA Renascença. “Eu já estava preocupado de como ia informar minha família. Agora, depois desse contato, já posso ficar mais tranquilo, pois eu estava sem dormir”, contou.

A proposta da Upa Renascença com a iniciativa é humanizar seus serviços. “Em meio à pandemia, o cuidado com a saúde física e mental de nossos pacientes, e também dos seus familiares, é essencial. Ouvir do paciente ‘Depois dessa ligação, meu coração acalmou e até minha respiração melhorou’ é muito gratificante!”, afirma Thamara Carvalho, diretora da UPA do Renascença.

Semcom

 

Deixe uma resposta