Covid: com dados acumulados, Piauí atinge 13,8 mil casos e 459 mortes

O boletim traz casos acumulados em dois dias. No Brasil, o número de infectados passa de um milhão.

Com dados de ontem e hoje, o boletim desta sexta-feira (19) da Secretaria Estadual da Saúde (Sesapi) traz o registro de 1.246 novos infectados pelo coronavírus no Piauí. Na quinta-feira, a pasta divulgou números parciais da doença devido a  problemas no sistema nacional que faz a contagem dos diagnósticos. Por isso, o balanço atual apresentou uma quantidade elevada de casos.

Com essa atualização, o estado chega a 13.813 testes positivos para Covid-19, com 459 óbitos. Segundo a Sesapi, foram confirmadas 24 mortes nas últimas 48 horas. Destas, 11 ocorreram em Teresina, seis em Parnaíba, duas em Luzilândia, Campo Maior, Pedro II, Luís Correia, Miguel Alves e Piracuruca fecham a lista, com uma vítima cada.

Até agora, de acordo com o governo, 193 cidades piauienses já têm casos da doença. Geminiano, Pajeú, Santa Rosa, São Gonçalo e Wall Ferraz entraram hoje para a lista. Com isso, 86,16% dos municípios piauienses já foram atingidos pela pandemia, com vidas perdidas para o vírus em 69 deles.

Cidades com mais casos

Teresina é o centro da atual crise de saúde pública no Piauí, com 5.621 infectados. Na sequência, aparecem Parnaíba (1.790), Campo Maior (457), Barras (393), Picos (378), Esperantina (290 ), Altos (258) , Demerval Lobão (214) e Piripiri ( 211). Apenas 31 municípios do estado ainda não foram atingidos pela pandemia.

Com relação ao número de mortos, a capital também está na frente, com 257 vítimas, mais da metade do total de ocorrências oficiais no estado. Parnaíba, no litoral, tem a segunda maior quantidade de óbitos, que chegou hoje a 40 pacientes que não resistiram ao coronavírus.

O Piauí já realizou 82.085 exames em pessoas com a suspeita de ter contraído o vírus. Foram 15.193 exames laboratoriais e 66.892 testes rápidos.

Situação hospitalar

Dos leitos existentes na rede estadual de saúde para atendimento à Covid-19, conforme o relatório, 750 ocupados, sendo 461 leitos clínicos, 272 UTIs e 17 leitos de estabilização. A taxa de ocupação na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) é de 70%. As altas acumuladas são 805 e as liberações do dia, são 24.

Brasil: mais de 1 milhão de casos

O Brasil bateu a marca de 1 milhão de casos confirmados. Segundo balanço diário do Ministério da Saúde divulgado hoje (19), com 54.771 novos casos, o país chegou a 1,03 milhão de pessoas infectadas. O número marca um aumento de 5,5% em relação a ontem, quando o ministério contabilizava 978.142 pacientes nesta condição.

A atualização da pasta também registrou 1.206 novas mortes registradas em função da covid-19. Com esses acréscimos às estatísticas, o país chegou a 49.954 óbitos em função da pandemia do novo coronavírus. O número marcou um crescimento de 2,5% no número de mortes em relação a ontem (18), quando o total estava em 47.748.

Os registros são menores aos domingos e segundas-feiras em função da dificuldade de alimentação dos dados aos fins-de-semana, e quantidades maiores às terças-feiras, em razão do acúmulo de notificações atualizadas no sistema.

Da Redação e Agência Brasil

 

Deixe uma resposta