Taxa de isolamento social em Teresina cai para 42%, diz prefeitura

A quarentena é importante para evitar proliferação do coronavírus, segundo as autoridades sanitárias. Capital tem 4 mil casos de Covid.

O índice de isolamento social em Teresina vem registrando índices baixos, segundo levantamento feito pela prefeitura da capital. Ontem, dia 11, a taxa foi de 42,2%, resultado preocupante em um período de crescimento no número de casos da Covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus.

A quarentena é importante para evitar a proliferação do vírus. De acordo com as autoridades sanitárias, a média ideal seria de 73%. A capital nunca atingiu essa faixa, mas já chegou a 66%.

Os moradores da zona Sul são os que mais descumpriram as medidas, de acordo com o monitoramento dos dados é feito pela startup InLoco, que acompanha mais de 200 mil pessoas através do telefone celular.

Segundo pior índice

Em levantamento feito por todo o país, entre os estados do Nordeste, o Piauí ocupa o segundo pior índice de isolamento social, registrando uma média de 42%, ficando atrás apenas do Maranhão.

173 mortes

Segundo dados da Fundação Municipal de Saúde, a capital tem 4.049 casos da doença, com 173 mortes. No Piauí são mais de 9,3 mil infectados pelo vírus e 317 óbitos.

Em março a Prefeitura adotou medidas para evitar a disseminação do coronavírus na cidade e reforça que o cuidado com a vida dos teresinenses continua sendo prioridade.

Mais isolamento

“Chegamos a mais de 4mil casos e perdemos muitos teresinenses nesta luta. É hora de termos uma responsabilidade coletiva para que possamos voltar gradativamente para as nossas atividades no momento certo, preservando vidas”, disse Firmino Filho.

Com informações da Semcom

 

Deixe uma resposta